"Como prefeito, me sinto um incompetente", diz Eduardo Paes ao falar de chuvas


Alexandre Brum / Ag O DiaO prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, reconheceu que grande parte dos pontos de alagamento da cidade são de sua responsabilidade. Em entrevista ao apresentador Wagner Montes, no Balanço Geral, ele disse se sentir um incompetente quando toma conhecimento da morte de pessoas, desabamento de casas ou deslizamento de encostas.
- Quando alaga na lagoa Rodrigo de Freitas, que é urbanizada, é a natureza, foi a maré que encheu. Mas quando acontece em outras áreas menos estruturadas é culpa do governo. Quando vejo essas coisas, eu, no papel de prefeito, me sinto um porcaria, um incompetente.
No total, o Rio de Janeiro tem cerca de 200 pontos críticos de alagamento. De acordo com Paes, até 2012, a intenção é resolver o problema em aproximadamente 50% das regiões mais atingidas.
A praça da Bandeira, na região central, é um dos pontos que mais sofrem com as chuvas. Só nesta área serão investidos R$ 350 milhões, segundo o prefeito.
- É o ponto mais crítico, sem dúvida. Por uma série de problemas, sobretudo por ter sido mal projetada; por ser uma região antiga.
Ainda de acordo com o prefeito, agentes do Alerta Rio (Sistema de Alerta de Chuvas Intensas e de Deslizamentos em Encostas da Cidade do Rio de Janeiro) vão contar com o apoio de 2.000 pessoas, entre elas, guardas municipais, escoteiros, grupo de jipeiros e outras entidades, que enviarão mensagens de celular para alertar imediatamente áreas alagadas e de risco de deslizamento.
- Este será um primeiro atendimento para orientar a população.
Sobre o cronograma das obras para os Jogos Olímpicos de 2016, Paes disse que está adiantado.
- Até o final do ano que vem, todas as obras estarão sendo executadas.
Em entrevista nos estúdios do Balanço Geral, o prefeito admitiu incompetência do governo pelo caos provocado pelas chuvas e também falou sobre o radar metereológico que vai detectar a chegada de temporais.
Assista ao vídeo:
 Eduardo Paes ainda falou sobre as obras e os investimentos que estão sendo feitos para acabar com alagamentos. 
Assista ao vídeo: 
A prefeitura do Rio de Janeiro distribuiu celulares para agentes comunitários que acionarão os órgãos competentes quando houver alertas de perigo de chuva. O prefeito também fez questão de falar sobre os benefícios do Bilhete Único para a população e para as empresas.
Assista ao vídeo: 

Reações:

0 comentários: